Avaliando produtos de make de R$10,00

Ficando bem com meu corpo

Ugly Sneakers – o que é e como usar

Caneta SOS Cutículas Perfeitas Granado Pink

Livro Por Todas Nós da Ellora Haonne

CC Cream Siàge Reconstrói os Fios EUDORA

Como fazer parede de cimento queimado

Apps para deixar seus stories lindos

Fazer unhas sem tirar cutícula

Posts arquivados em: Tag: o lado bom da vida

20ago/16

5 livros de ficção pra quem gosta de psicologia | VEDA

LivrosPsicologiaVídeos

Olha quem voltou indicando coisas lindas e legais de psicologia! Sempre que eu faço um vídeo sobre o assunto, vocês me pedem pra falar sobre algo relacionado. Dessa vez eu selecionei alguns dos milhares de livros que existem nesse mundo lindo e que abordam ~ direta ou indiretamente ~ o tema psicologia. Tem livro pra todos os gostos e com intensidades diferentes, então tenho certeza de que algum deles você vai gostar muito!

Clique em PLAY para assistir ao vídeo!


Os livros citados foram:

  • Dexter – a mão esquerda de Deus | Jeff Lindsay
  • Mrs. Dalloway | Virginia Woolf
  • Dom Casmurro | Machado de Assis
  • O lobo mau no divã | Laura James
  • O lado bom da vida | Matthew quick

E vocês, gostam de mais algum que não tá por aqui? Me indica porque eu AMO ler livros, ainda mais se forem sobre psicologia!

15jan/14

(Quase) 5 livros pra ler nas férias

BiaIndicaçõesLivrosLyfestyle

Livros combinam com férias, mas concordo que precisam ser os curtinhos, pra acabar logo e a gente se apaixonar por novas histórias e personagens. Pensando nisso, fiz uma lista com ~quase~ 5 livros pra ler nas férias. Desses eu só li 2 e posso recomendar de olhos fechados, os outros é uma indicação pra mim também ~to cheia de livros novos, preciso devorá-los!

  1. A Menina que Roubava Livros: Ah… o melhor livro do mundo! Sou apaixonada por ele e tenho certeza de que você também vai se encantar. Aproveita porque o filme está pra sair em breve, dá tempo de ler! “A menina que roubava livros tem como narradora a Morte. Durante a sua passagem pela Alemanha, na Segunda Guerra Mundial, ela encontra a protagonista, Liesel Meminger, numa estação de comboio enquanto o seu irmão mais novo é enterrado próximo ao local. A menina, ao perceber que o coveiro presente deixou um livro, O manual do coveiro, cair na neve, rouba-o e é levada, então, até a cidade fictícia Molching, onde a sua mãe pretende entregá-la a uma família para que a adotem. Na Rua Himmel, reside o casal de classe trabalhista formado por Hans e Rosa Hubermann. Lá, ela convive com os novos responsáveis e vai à escola, assim como faz amizade com o vizinho Rudy Steiner. Como ajudante de sua mãe, começa uma amizade com a mulher do prefeito Ilsa Hermann.” 
  2. A Arte de Correr na Chuva: Esse já está também na minha lista de resenhas. Um livro lindo, envolvente e de chorar litros. A história é contada por um cachorro que mais parece gente. Mas não subestime! Ah! O livro é gringo, mas faz referência ao Ayrton Senna! “A história de uma família contada sob a visão do dócil e sábio Enzo, um cachorro com alma humana. Enzo foi criado assistindo a programas no canal “National Geographic” e aprendeu que todo cachorro que morre, se estiver preparado, reencarna como ser humano. Em um flashback de sua vida, Enzo relembra momentos de ternura, amor, injustiça e traição que presenciou na vida de seu dono Denny. Ele aprendeu a administrar a vida como numa corrida de carros, onde nem sempre a velocidade é a melhor estratégia. E agora tudo o que deseja é colocar este aprendizado em prática!”
  3. Belo Desastre: Esse eu estou lendo e posso dizer que estou adorando! A leitura é fluida e rapidinho as páginas passam. Esse livro é narrado pela Abby. Eu disse que eram quase 5 livros porque Desastre Iminente é o mesmo enredo, só que contado na versão do tudo de bom Travis. Então se você gostar de um, sabe que ele existe novamente, na visão de outro personagem. Não é o máximo? “Abby Abernathy é uma boa garota. Ela não bebe nem fala palavrão. E acredita que seu passado sombrio está bem distante, porém, quando, para cursar a faculdade, se muda para uma nova cidade, seu recomeço é rapidamente ameaçado pelo bad boy do local: Travis Maddox. Um jovem com um corpo esculpido, abdômen definido e braços tatuados. Tudo que Abby precisa – e deseja – evitar. Mas o menino é um conquistador e logo se depara com a resistência de Abby ao seu charme, Intrigado, Travis a atrai com um jogo. Se ele perder, terá que ficar sem sexo por um mês. Se ela perder, deverá morar no apartamento dele pelo mesmo período. Qualquer que seja o resultado da aposta, nem passa pela cabeça do garoto que ele acaba de se deparar com uma adversária à altura.”
  4. Desastre Iminente: “Toda história tem dois lados. Em Belo desastre, Abby disse o que pensava. Agora chegou a hora de conhecer os fatos pelos olhos de Travis. Travis perdeu a mãe muito cedo, mas, antes de morrer, ela lhe ensinou duas regras de vida: ame muito, lute mais ainda. Tendo crescido em uma família de homens que gostam de jogos e lutas, Travis Maddox é um cara durão. Musculoso e tatuado, bad boy até o último fio de cabelo, ele leva uma mulher diferente para casa a cada noite. Até conhecer Abby Abernathy… Determinada a se manter longe de problemas, Abby resiste com todas as forças ao charme de Travis, sem saber que assim só o deixa mais determinado a conquistá-la. Será que o invencível Travis “Cachorro Louco” Maddox vai ser derrotado por uma garota?”
  5. Extraordinário: Ouvi falar super bem desse livro e me encantei pela capa. “August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade… até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.” 
  6. O lado bom da vida: Esse eu comprei porque ouvi falar bem do filme. E depois de ler ‘Perdão, Leonard Peacock’ do mesmo autor, achei que gostaria desse também. “Pat Peoples, um ex-professor na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um “tempo separados”.  Tentando recompor o quebra-cabeça de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com o pai se recusando a falar com ele, a esposa negando-se a aceitar revê-lo e os amigos evitando comentar o que aconteceu antes de sua internação, Pat, agora viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida.”

E vocês? Já conheciam? Tem algo a me dizer sobre eles? Me indicam algum?