Resenha Spray Dumb Blonde Bed Head TIGI – toning protection spray

Cupom de desconto Glambox

De 2018 para 2019

Avaliando produtos de make de R$10,00

Ficando bem com meu corpo

Ugly Sneakers – o que é e como usar

Caneta SOS Cutículas Perfeitas Granado Pink

Livro Por Todas Nós da Ellora Haonne

CC Cream Siàge Reconstrói os Fios EUDORA

Posts arquivados em: Tag: o lado bom da vida

20ago/16

5 livros de ficção pra quem gosta de psicologia | VEDA

LivrosPsicologiaVídeos

Olha quem voltou indicando coisas lindas e legais de psicologia! Sempre que eu faço um vídeo sobre o assunto, vocês me pedem pra falar sobre algo relacionado. Dessa vez eu selecionei alguns dos milhares de livros que existem nesse mundo lindo e que abordam ~ direta ou indiretamente ~ o tema psicologia. Tem livro pra todos os gostos e com intensidades diferentes, então tenho certeza de que algum deles você vai gostar muito!

Clique em PLAY para assistir ao vídeo!


Os livros citados foram:

  • Dexter – a mão esquerda de Deus | Jeff Lindsay
  • Mrs. Dalloway | Virginia Woolf
  • Dom Casmurro | Machado de Assis
  • O lobo mau no divã | Laura James
  • O lado bom da vida | Matthew quick

E vocês, gostam de mais algum que não tá por aqui? Me indica porque eu AMO ler livros, ainda mais se forem sobre psicologia!

15jan/14

(Quase) 5 livros pra ler nas férias

BiaIndicaçõesLivrosLyfestyle

Livros combinam com férias, mas concordo que precisam ser os curtinhos, pra acabar logo e a gente se apaixonar por novas histórias e personagens. Pensando nisso, fiz uma lista com ~quase~ 5 livros pra ler nas férias. Desses eu só li 2 e posso recomendar de olhos fechados, os outros é uma indicação pra mim também ~to cheia de livros novos, preciso devorá-los!

  1. A Menina que Roubava Livros: Ah… o melhor livro do mundo! Sou apaixonada por ele e tenho certeza de que você também vai se encantar. Aproveita porque o filme está pra sair em breve, dá tempo de ler! “A menina que roubava livros tem como narradora a Morte. Durante a sua passagem pela Alemanha, na Segunda Guerra Mundial, ela encontra a protagonista, Liesel Meminger, numa estação de comboio enquanto o seu irmão mais novo é enterrado próximo ao local. A menina, ao perceber que o coveiro presente deixou um livro, O manual do coveiro, cair na neve, rouba-o e é levada, então, até a cidade fictícia Molching, onde a sua mãe pretende entregá-la a uma família para que a adotem. Na Rua Himmel, reside o casal de classe trabalhista formado por Hans e Rosa Hubermann. Lá, ela convive com os novos responsáveis e vai à escola, assim como faz amizade com o vizinho Rudy Steiner. Como ajudante de sua mãe, começa uma amizade com a mulher do prefeito Ilsa Hermann.” 
  2. A Arte de Correr na Chuva: Esse já está também na minha lista de resenhas. Um livro lindo, envolvente e de chorar litros. A história é contada por um cachorro que mais parece gente. Mas não subestime! Ah! O livro é gringo, mas faz referência ao Ayrton Senna! “A história de uma família contada sob a visão do dócil e sábio Enzo, um cachorro com alma humana. Enzo foi criado assistindo a programas no canal “National Geographic” e aprendeu que todo cachorro que morre, se estiver preparado, reencarna como ser humano. Em um flashback de sua vida, Enzo relembra momentos de ternura, amor, injustiça e traição que presenciou na vida de seu dono Denny. Ele aprendeu a administrar a vida como numa corrida de carros, onde nem sempre a velocidade é a melhor estratégia. E agora tudo o que deseja é colocar este aprendizado em prática!”
  3. Belo Desastre: Esse eu estou lendo e posso dizer que estou adorando! A leitura é fluida e rapidinho as páginas passam. Esse livro é narrado pela Abby. Eu disse que eram quase 5 livros porque Desastre Iminente é o mesmo enredo, só que contado na versão do tudo de bom Travis. Então se você gostar de um, sabe que ele existe novamente, na visão de outro personagem. Não é o máximo? “Abby Abernathy é uma boa garota. Ela não bebe nem fala palavrão. E acredita que seu passado sombrio está bem distante, porém, quando, para cursar a faculdade, se muda para uma nova cidade, seu recomeço é rapidamente ameaçado pelo bad boy do local: Travis Maddox. Um jovem com um corpo esculpido, abdômen definido e braços tatuados. Tudo que Abby precisa – e deseja – evitar. Mas o menino é um conquistador e logo se depara com a resistência de Abby ao seu charme, Intrigado, Travis a atrai com um jogo. Se ele perder, terá que ficar sem sexo por um mês. Se ela perder, deverá morar no apartamento dele pelo mesmo período. Qualquer que seja o resultado da aposta, nem passa pela cabeça do garoto que ele acaba de se deparar com uma adversária à altura.”
  4. Desastre Iminente: “Toda história tem dois lados. Em Belo desastre, Abby disse o que pensava. Agora chegou a hora de conhecer os fatos pelos olhos de Travis. Travis perdeu a mãe muito cedo, mas, antes de morrer, ela lhe ensinou duas regras de vida: ame muito, lute mais ainda. Tendo crescido em uma família de homens que gostam de jogos e lutas, Travis Maddox é um cara durão. Musculoso e tatuado, bad boy até o último fio de cabelo, ele leva uma mulher diferente para casa a cada noite. Até conhecer Abby Abernathy… Determinada a se manter longe de problemas, Abby resiste com todas as forças ao charme de Travis, sem saber que assim só o deixa mais determinado a conquistá-la. Será que o invencível Travis “Cachorro Louco” Maddox vai ser derrotado por uma garota?”
  5. Extraordinário: Ouvi falar super bem desse livro e me encantei pela capa. “August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade… até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.” 
  6. O lado bom da vida: Esse eu comprei porque ouvi falar bem do filme. E depois de ler ‘Perdão, Leonard Peacock’ do mesmo autor, achei que gostaria desse também. “Pat Peoples, um ex-professor na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um “tempo separados”.  Tentando recompor o quebra-cabeça de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com o pai se recusando a falar com ele, a esposa negando-se a aceitar revê-lo e os amigos evitando comentar o que aconteceu antes de sua internação, Pat, agora viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida.”

E vocês? Já conheciam? Tem algo a me dizer sobre eles? Me indicam algum?